Viagem ao passado no longa argentino “Zama”, que estreia dia 29 no CineBancários 

Zama”, o mais recente longa de Lucrecia Martel, diretora argentina de “Pântano” e “A mulher sem cabeça”, estreia no CineBancários no dia 29 de março com sessões às 15h e 19h. Segundo o jornal Clarín, de Buenos Aires, esta adaptação do livro homônimo, escrito por Antonio di Benedetto e publicado em 1956, aparece em quarto lugar entre os 25 melhores filmes de 2017 na tradicional pesquisa organizada pela renomada revista Sight & Sound, editada pelo British Film Institute.  

Sinopse 

Zama, um oficial da coroa Espanhola, nascido na América do Sul, aguarda por uma carta do rei outorgando-lhe a transferência da cidade em que se encontra estagnado para um lugar melhor. Sua situação é delicada. Ele deve garantir que nada ofusque sua transferência. Zama é forçado a aceitar, submisso, cada tarefa a ele encomendada pelos sucessivos governadores que vão e que vêm enquanto ele é deixado para trás.

Passam-se os anos e a carta do rei nunca chega. Quando Zama percebe que tudo está perdido, junta-se a um grupo de soldados que sai em busca de um perigoso bandido.

HORÁRIOS:

De 29/3 a 04/4: ás 15h e 19h

De 05/4 a 11/4: 17h

INGRESSOS: 

R$ 12,00. Estudantes, idosos, pessoas com deficiência, bancários sindicalizados e jornalistas sindicalizados pagam R$6,00. Os ingressos podem ser adquiridos no local ou no site ingresso.com . Aceitamos os cartões Banricompras, Visa e Mastercard. 

Relato da diretora Lucrecia Martel

Desejo ir para o passado com a mesma irreverência com que nos movemos para o

futuro. Não tentando documentar fatos e objetos pertinentes, porque Zama não possui pretensões historicistas. Antes, tenta mergulhar num mundo que ainda hoje é vasto, com animais, plantas, e homens e mulheres quase incompreensíveis. Um mundo que fora devastado antes mesmo de ter sido descoberto, e que, portanto, permanece no delírio.

O passado no nosso continente é um borrão confuso. Nós o fizemos assim para não termos que pensar na propriedade da terra, o espólio sobre o qual o abismo da América Latina foi fundado, embaraçando a gênese da nossa própria identidade. Assim que começamos a olhar para o passado, sentimos vergonha.

Zama mergulha fundo no tempo da vida dos homens mortais, esta breve existência que nos foi concedida, ao longo da qual nós deslizamos ansiosos para o amor, esmagando exatamente aquilo que poderia ser amado, adiando o significado da vida como se o dia mais importante fosse um que ainda não chegou, ao invés de ser hoje. E, mesmo assim, o próprio mundo que parece decidido a nos destruir, torna-se a nossa própria salvação: quando perguntados se queremos viver mais, sempre respondemos sim”.

A diretora

Nascida na Argentina, a cineasta Lucrecia Martel tem colocado seu trabalho na comunidade internacional do cinema. Zama (2017) é seu quarto filme após escrever e dirigir A mulher sem cabeça (La Mujer Sin Cabeza, 2008), A menina santa (La Niña Santa, 2004) e O Pântano (La ciénaga, 2001).

Os filmes da diretora tem sido aclamados nos mais importantes festivais de cinema: Cannes, Berlim, Veneza, Toronto, New York, Sundance e Rotterdam, entre outros. Uma retrospectiva do seu trabalho tem sido amplamente exibida em festivais de cinema e instituições renomadas como as universidades de Harvard e Berkeley ou no London Tate Museum. Ela tem formado parte em júris oficiais de Berlim, Cannes, Veneza, Sundance e Rotterdam, e já ministrou aulas ao redor do mundo.

Elenco:

DANIEL GIMÉNEZ CACHO (ZAMA)

Daniel Giménez Cacho é um premiado ator mexicano, nascido na Espanha que estrelou diversos filmes dos mais importantes cineastas hispanos, como Guillermo Del Toro, Alfonso Cuarón, Jorge Fons e Pedro Almodóvar, como A MÁ EDUCAÇÃO (2004) ou E SUA MÃE TAMBÉM (2001), no qual é a voz do narrador. LA CORDILLERA (Santiago Mitre, 2017) é seu mais recente trabalho na indústria Argentina e que teve sua estreia recentemente em Cannes 2017. Giménez Cacho também foi parte do elenco de LA HORA MARCADA, show da TV mexicana, escrito e dirigido por Alfonso Cuarón e Guillermo Del Toro

LOLA DUEÑAS (LUCIANA PIÑARES DE LUENGA)

Lola Dueñas é uma atriz Espanhola que teve rápido reconhecimento pelo seu trabalho em séries de televisão (POLICÍAS, EN EL CORAZÓN DE LA CALLE) e depois no cinema, recebendo aclamação profissional por seu trabalho em MAR ADENTRO (Alejandro Amenábar, 2004) e VOLVER (Pedro Almodóvar, 2005), pelo qual recebeu o prêmio Ex-Aequo a Melhor Atriz no Festival de Cinema de Cannes. Seu trabalho nesses filmes e em FALE COM ELA (Pedro Almodóvar, 2002), YO, TAMBIÉN (Pedro Almodóvar, 2009), ABRAÇOS PARTIDOS (Pedro Almodóvar, 2009) e OS AMANTES PASSAGEIROS (Pedro Almodóvar,2013), resulta em múltiplos Prêmios Goya e seu atual prestígio internacional.

MATHEUS NACHTERGAELE (VICUÑA PORTO)

Matheus Nachtergaele é um ator brasileiro renomado e premiado. Com uma vasta experiência em cinema, teatro e televisão, trabalhou em inúmeros filmes como O QUE É ISSO, COMPANHEIRO? (Bruno Barreto, 1997 – indicado para Melhor Filme Estrangeiro nos Oscar de 1998), CIDADE DE DEUS (Fernando Meirelles, 2002 – quatro indicações para o Oscar em 2004, incluindo Melhor Diretor), CENTRAL DO BRASIL (Walter Salles, 1998 – duas indicações para o Oscar em 1999, incluindo Melhor Filme Estrangeiro) e três filmes do diretor Cláudio Assis – AMARELO MANGA (2002), BAIXIO DAS BESTAS (2006) e FEBRE DO RATO (2011).

JUAN MINUJÍN (VENTURA PRIETO)

Juan Minujin é um ator Argentino conhecido pela sua extensa carreira como ator de teatro. Trabalhou em inúmeras produções teatrais em Buenos Aires, eventualmente acrescentando a sua experiência trabalhos em televisão, incluindo a produção de HBO EL MARGINAL. Seu primeiro papel principal num filme foi em UN AÑO SIN AMOR (Anahi Berneri, 2007). Desde então, ele tem trabalhado constantemente em mais de 20 filmes independentes, incluindo EL ABRAZO PARTIDO (Daniel Burman, 2004), 2+2 (Diego Kaplan, 2012) e CORDERO DE DIOS (Lucía Cedrón, 2008). Por estes e outros filmes, recebeu muitos prêmios e indicações.

FICHA TÉCNICA:

ANO: 2017

PAÍSES: Argentina, Brazil, Spain, France, Netherlands, Mexico, Portugal, USA / DURAÇÃO (EM MINUTOS): 115min / PROPORÇÃO DE TELA: 1:1.78 / FORMATO: 2K / SOM: 5.1 / LÍNGUA ORIGINAL: Espanhol

PRODUÇÃO:

PRODUTORAS: Rei Cine, Bananeira Filmes – COPRODUTORAS: El Deseo, Patagonik, MPM Film, Canana, Lemming Film, KNM, O Som e a Fúria, Louverture Films, Schortcut Films, Telecine, Bertha Foundation, Perdomo Productions, Picnic Producciones, Punta Colorada de Cinema

EQUIPE:

DIRETORA & ROTEIRISTA: Lucrecia Martel / PRODUTORES: Vania Catani, Benjamin Domenech, Santiago Gallelli, Matías Roveda / COPRODUTORES: Pedro Almodóvar, Agustín Almodóvar, Esther García, Marie-Pierre Macia, Claire Gadéa, Juan Pablo Galli, Juan Vera, Alejandro Cacetta, Eva Eisenloeffel, Leontine Petit, Joost de Vries, Michel Merkt, Luís Urbano, Georges Schoucair, Joslyn Barnes, Danny Glover, Susan Rockefeller, Juan Perdomo, Natalia Meta

PRODUTORES EXECUTIVOS: Pablo Cruz, Gael García Bernal, Diego Luna, Angelisa Stein / PRODUTORES ASSOCIADOS: Guillermo Kuitca, Juan Manuel Collado, Fabiana Tiscornia, Elvira González Fraga, Alejandro Musich, Gonzalo Rodríguez Bubis, Julia Solomonoff

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA: Rui Poças / EDIÇÃO: Miguel Schverdfinger, Karen Harley / SOM: Guido Berenblum / DESIGN DE PRODUÇÃO: Renata Pinheiro / FIGURINO: Julio Suarez / DESENHO DE SOM: Guido Berenblum (ASA)/ MIXAGEM: Emmanuel Croset / MAQUIAGEM: Marisa Menta / CABELEIREIRO: Alberto Moccia  ASTING: Verónica Souto, Natalia Smirnoff / ASSISTENTE DE DIREÇÃO: Fabiana Tiscornia / COORDENAÇÃO DE PRODUÇÃO: Javier Leoz

IMPRENSA

PAULA C. FERRAZ

[email protected]

11 970678585

CONTATO

VITRINE FILMES

[email protected]

11 3081-0968

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER