Sindicato participa de reunião em SP para garantir direitos dos trabalhadores do HSBC na fusão com o Bradesco

Com a presença do colega Orlando Ribeiro, representando a Diretoria do SindBancários de Porto Alegre e Região e a Fetrafi-RS, as Comissões de Organização dos Empregados (COE) do Bradesco e HSBC tiveram reunião na manhã da quarta-feira, 22/06, em Osasco (SP) com a direção do Bradesco. Um dos principais temas do encontro foi a incorporação do HSBC, cujo processo deverá ser finalizado até o dia 7 de outubro. “Em primeiro de julho o Bradesco deverá efetivar o pagamento da compra ao HSBC”, explica Orlando. “E a partir daí, até outubro, quando deve ser finalizada a incorporação, vai haver um período de transição em que precisamos ficar muito atentos para garantir os benefícios que o Bradesco está se comprometendo a manter”, diz o sindicalista.

Em princípio, até dia 7 de outubro os benefícios dos bancários do HSBC permanecem como estão. Dessa data em diante, passam a receber os mesmos dos colegas do Bradesco.  “Estamos agendando novas reuniões para antes de outubro, para avançar em outros pontos”, informa Orlando. E acrescenta: “Eles não se mostraram dispostos a mudanças e o Bradesco já disse que não tem garantia de emprego”, alerta ele, lembrando que já ocorreram demissões pelo Bradesco.

Sem acordo de estabilidade

“Sobre os empregos, o Bradesco não aceita assinar acordo de estabilidade, mas garante que não haverá demissão em massa. A direção do banco disse que receberá os trabalhadores do HSBC de braços abertos, incluindo aqueles que deixaram o Bradesco para trabalhar no HSBC. Vamos ficar em cima. Sobre a PLR, nós cobramos o pagamento também para os funcionários do HSBC, inclusive com a antecipação”, explica o diretor do SindBancários, Orlando Ribeiro.

De fato, o presidente da Contraf-CUT, Roberto Von der Osten destaca que estes processos de fusão sempre trazem prejuízos aos trabalhadores. “Por isso, avisamos os bancos que vamos acompanhar toda esta mudança bem de perto, para que os trabalhadores tenham seus direitos e empregos garantidos. Esperamos que de fato todos os compromissos assumidos pelo HSBC sejam cumpridos pelo Bradesco, como por exemplo o auxílio-educação, recém renovado, e o pagamento de programa próprio, entre outros, como foi dito na reunião”, destacou Von der Osten.

Plano de saúde

Um dos pontos destacados na negociação, conforme Orlando, é o que diz respeito aos planos de saúde. “O HSBC conta com a Unimed e a Sul América, para atender todas as localidades onde mantenha agências bancárias. Já o Bradesco tem o seu Saúde Bradesco. Então todos os funcionários assimilados através da fusão passariam ao Saúde Bradesco”, explica o dirigente sindical. “Nossa preocupação neste momento é com as pessoas que estão em tratamento de saúde, em casos graves como câncer. Na reunião em Osasco, os diretores do Bradesco afirmaram que irão estudar caso a caso, de forma especial. Mas vamos manter a vigilância”, enfatiza o sindicalista.

Auxílio educação

A reunião em São Paulo também determinou que todos os compromissos assumidos pelo HSBC com seus trabalhadores, como o auxílio-educação (recém-renovado e contratado para seis meses) e o programa próprio de remuneração, serão pagos pelo Bradesco até outubro. “Como a partir daquele mês todos os bancários do HSBC se tornarão do Bradesco, o movimento sindical quer discutir a extensão de todos os direitos para todos os trabalhadores”, acrescenta a presidente do Sindicato e bancária do Bradesco, Juvandia Moreira.

Conforme o presidente do SindBancários, Everton Gimenis, “já estamos reivindicando novas reuniões com o banco comprador, para acompanhar bem de perto o processo de integração”. Gimenis lembrou que somente no primeiro trimestre deste ano o Bradesco cortou 1.466 postos de trabalho, “o que traz sobrecarga de trabalho aos bancários e afeta o bom atendimento ao público”, complementou o presidente. Segundo ele, o banco se comprometeu a fazer uma análise dos locais onde faltam funcionários para suprir sua carência. “Nós vamos cobrar estas medidas”, disse ainda.

Atualmente, o Bradesco conta com mais de 90 mil funcionários, que serão acrescidos de quase 20 mil, oriundos do HSBC.

Reunião sobre o Bradesco

Além da reunião sobre a repercussão da compra do HSBC pelo Bradesco, também foi realizado encontro dos trabalhadores com a direção do Bradesco para tratar de reivindicações específicas do banco. Ficou definida a realizações de uma reunião para aprofundar a discussão da cláusula 57 da Convenção Coletiva de Trabalho, que trata do Programa de Desenvolvimento e Organização para Melhoria Contínua das Relações de Trabalho, e que se relaciona à segunda cláusula da minuta, que cobra o fim do assedio moral.

Plano de Cargos, Carreira e Salários

O Bradesco se comprometeu com os sindicalistas a apresentar a trilha de carreira da UniBrad  (universidade corporativa do Bradesco, que segundo o banco permite ao funcionário se capacitar à carreira escolhida) e também detalhar o funcionamento e disponibilização de vagas no SAP.

Também ficou definida a criação de novo grupo de trabalho sobre o projeto piloto do Bradesco, para atrelar o ponto eletrônico à estação de trabalho, para evitar que o bancário não bata o ponto e continue trabalhando.

Outros dois GTs serão reativados: retorno ao trabalho e plano de saúde. No que tratar dos planos de saúde, as federações de trabalhadores bancários vão identificar e apresentar ao banco as deficiências e, junto com a seguradora, cobrarão melhorias.

Um importante avanço obtido na mesa de negociação foi a criação de uma trava no Treinet (sistema de treinamento do Bradesco) para que o bancário não faça cursos fora do horário comercial.

Por fim, o banco ficou de estudar e debater nos próximos encontros as reivindicações que tratam da licença-adoção de 180 dias e de mais alternativas de fracionamento e distribuição dos valores de VA e VR.

Sobre o parcelamento de férias, o Bradesco afirmou que irá apresentar uma contraproposta também nas próximas negociações. O calendário deverá ser apresentado em breve.

Pauta de Reivindicações específicas

Confira, no link abaixo, a Pauta dos Empregados do Banco Bradesco:

http://www.spbancarios.com.br/Uploads/Seu_Banco/19/Arquivos/pauta_especifica_base_seeb_bradesco.pdf

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER