SindBancários participa de mesa de negociação nesta sexta, 25/9, em São Paulo, e chama assembleia para a quarta, 30/9

A partir das 10h da manhã desta sexta-feira, 25/9, ocorre mais uma rodada de negociação entre o Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban, no Maksoud Plaza Hotel, em São Paulo. A expectativa dos bancários é grande pela apresentação de uma proposta global da Fenaban. Os representantes dos bancários gaúchos na reunião serão o diretor da Fetrafi-RS, Juberlei Bacelo e o presidente do SindBancários, Everton Gimenis, que integram o Comando Nacional.

O presidente do SindBancários, Everton Gimenis, lembra que tanto os bancos púbicos (Caixa, Banco do Brasil e Banrisul) nas mesas de negociação quanto a Fenaban têm sido intransigentes nas quatro rodadas. “Já tivemos quatro rodadas de negociação com a Fenaban em cláusulas que praticamente não têm custos para os bancos. Eles só estão dizendo não. Chegou a hora de prepararmos uma grande mobilização para cosntruir a GREVE até a nossa assembleia da quarta-feira, 30/9”, explica Gimenis.

Até agora não houve avanços nas mesas realizadas durante a Campanha Salarial, incluindo as negociações específicas com os bancos públicos. As direções da Caixa, Banco do Brasil e Banrisul mantiveram a intransigência nos debates propostos pelo movimento sindical, negando as reivindicações apresentadas.

Por isso o SindBancários convocou um Dia Nacional de Mobilização e Luta, nesta sexta-feira, 25/9. Na Praça da Matriz, em frente à Agência Central do Banrisul, a partir das 11h, os bancários estão sendo convocados a acompanhar a negociação e preparar a mobilização. Na quarta-feira, 30/9, às 18h, no Hotel Embaixador, haverá uma assembleia para avaliar a proposta da Fenaban. Os bancários também estão chamados a vestirem pretos em seus locais de trabalho.

Bancário, seu celular é ferramenta de luta.

Mande fotos dos seus locais de trabalho vestindo preto nesta sexta-feira, 25/9, do seu local de trabalho

facebook/SindBancáriosPoA

redaçã[email protected],org.br

[email protected]

Lucros nas alturas colocam os bancos em posição confortável

Os resultados dos cinco maiores bancos do País ente o primeiro semestre de 2014 e o de 2015 somaram R$ 36,3 bilhões, totalizando um crescimento de 27,3% da lucratividade do setor. Por outro lado, as instituições efetuaram 7.107 demissões no mesmo período.

Somente com as tarifas cobradas dos clientes, os bancos pagam todos os trabalhadores com sobras. Ou seja, poderiam contratar mais bancários para melhorar as condições de trabalho e qualificar o atendimento.

SindBancários convoca assembleia para o Hotel Embaixador

O SindBancários convoca os colegas de bancos públicos e privados para assembleia geral extraordinária, no dia 30 de setembro, quarta-feira, às 18h, em primeira chamada, e às 18h30, em segunda e última chamada. A assembleia será realizada no Hotel Embaixador (Rua Jerônino Coelho, 354, Centro Histórico de Porto Alegre). Nesta quinta-feira, 24/9, a Fetrafi-RS publicou edital de convocação, na página 13 do jornal Correio do Povo (veja abaixo).

Na ocasião, os bancários decidirão os rumos da Campanha Salarial, com avaliação da proposta que deverá ser apresentada pela Fenaban, na negociação desta sexta-feira, 25/9. Além disso, a categoria irá deliberar sobre a possibilidade de greve.

Calendário de luta

Ato de Mobilização para pressionar por avanços na pauta dos Banrisulenses

Sexta-feira, 25/9 | 11h | Praça da Alfândega, Centro Histórico de Porto Alegre

Assembleia de avaliação da proposta econômica da Fenaban e para decidir sobre GREVE

Quarta-feira, 30/9 | 18h | Hotel Embaixador (Rua Jerônimo Coelho, 354, Centro Histórico de Porto Alegre)

Edital foi publicado na edição desta quinta-feira, 24/9, do jornal Correio do Povo, na página 13. Veja abaixo:

edital_web_assembleia_30092015

Veja as principais reivindicações dos bancários na Campanha Salarial

  • Reajuste salarial de 16% (aumento real de 5,7%)
  • PLR: três salários mais R$ 7.246,82 de parcela fixa adicional
  • Piso: R$ 3.299,66 (salário mínimo calculado pelo Dieese)
  • Vales alimentação e 13ª cesta e auxílio-creche/babá: R$ 788 cada (salário mínimo nacional)
  • Vale-refeição: R$ 34,26 ao dia
  • 14º Salário
  • Garantia de emprego e ampliação das contratações
  • Fim das metas abusivas e do assédio moral
  • Ampliação das medidas de segurança nas agências e postos de atendimento bancário

Fonte: Fetrafi-RS, com edição de Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER