SindBancários chama empregados da Caixa para Ato em Defesa do banco 100% público na quarta, 24/10

Os colegas da Caixa estão ligados que a Fenae lançou uma campanha nacional em defesa do único banco 100% público do país. E o slogan é “Não tem sentido privatizar a Caixa”. Pois é, defender a Caixa 100% pública é uma campanha permanente que as associações de trabalhadores, os sindicatos e as federações representantes dos empregados precisam fazer sempre. E essas campanhas são necessárias porque tem muita gente sem noção por aí que vê o maior sentido em entregar a Caixa.

Nós, empregados da Caixa, sabemos da importância do nosso trabalho para fazer o Minha casa Minha Vida andar. Também sabemos a importância do nosso trabalho de informação sobre o que significa o FGTS sendo gerido por um banco e por trabalhadores que pensam no interesse público. Pois, na quarta-feira, 24/10, a partir do meio-dia estaremos numa atividade em frente ao Edifício-Sede da caixa, na Praça da Alfândega, Centro Histórico de Porto Alegre. a falta de noção sobre a importância da caixa para o país fez a gente organizar e participar do Ato Nacional em Defesa da Caixa.

O diretor da Fertafi-RS e nos representante na Comissão de Empregados do RS, Gilmar Aguirre, diz que a hora é de participação ante um momento histórico de extrema importância para o futuro da Caixa. O diretor faz um apelo aos colegas. “Conclamo a todos e todas a participar deste importante ato em defesa da Caixa Econômica Federal. Defender a Caixa é defender o Brasil. É defender a soberania nacional. Estamos passando por um período na história do Brasil por demais importante para se ficar a margem dos acontecimentos. Todos temos, de alguma forma ou outra, alguma relação com os produtos e serviços que a Caixa oferece”, aponta, Gilmar.

Ato em Defesa da Caixa 100% pública

Quarta-feira, 24/10 | Meio-dia | Edifício-Sede Querência (Rua dos Andradas, 1.000, Centro Histórico de Porto Alegre

Para o dirigente, a Caixa tem um papel fundamental para o enfrentamento de crises e para o crescimento socioeconômico do país. E corre um risco muito alto de ser privatizada. “Estamos diante de duas possibilidades. De manter a Caixa como o principal agente de fomento dos programas sociais que visam diminuir o abismo entre as classes no Brasil ou uma Caixa como apenas mais um banco no Brasil. A responsabilidade será de cada brasileiro. Que Caixa queremos? O resultado desta escolha afetará a todos sem nenhuma discriminação..

Campanha “Não tem sentido” defende a Caixa. Participe!

Por meio do site www.naotemsentido.com.br, já é possível enviar vídeos opinando por quais motivos o banco não pode ser privatizado ou enfraquecido. Lançamento da campanha ocorreu na semana passada em momento de ataques ao patrimônio público e da volta do discurso privatista

Não tem sentido privatizar a Caixa”. Esse é o principal slogan da nova campanha em defesa do banco lançada pela Fenae. O objetivo é mobilizar os empregados num primeiro momento, mostrando que a empresa precisa continuar 100% pública, forte, social e a serviço dos brasileiros. Mas outras entidades e a sociedade em geral também serão envolvidas, a fim de criar uma ampla resistência contra qualquer retrocesso em relação à atuação da Caixa.

Como fazer parte da defesa da Caixa

http://www.naotemsentido.com.br/

Fazer parte da campanha “Não tem sentido” é muito simples! Por meio do site www.naotemsentido.com.br, é possível enviar vídeos ou escrever depoimentos opinando por quais motivos o banco não pode ser privatizado ou enfraquecido. No site já estão publicados vídeos de personalidades e dirigentes do movimento dos trabalhadores, entre eles Jessé Souza, Luiz Gonzaga Belluzzo, Emir Sader, Gilberto Bercovici, Esther Dweck, Jair Pedro Ferreira (presidente da Fenae), Sérgio Takemoto (vice-presidente da Federação) e Juvandia Moreira (presidente da Contraf-CUT).

Confira os depoimentos e mande seu vídeo!

No ano passado, realizamos a campanha ‘Defenda a Caixa você também’, em que reforçamos a importância do banco em áreas como habitação, saneamento básico, educação, cultura, esporte, agricultura, gestão do FGTS e loterias. Diante das ameaças da atual conjuntura, com a volta do discurso privatista e de Estado ‘mínimo’, queremos mais uma vez conscientizar e mobilizar empregados e brasileiros em geral sobre esse tema. Afinal, não tem sentido acabar com esse patrimônio do país, beneficiando o setor privado”, afirma Jair Ferreira.

Em manifesto divulgado por ocasião do lançamento da campanha, a Fenae destaca que não tem sentido jogar fora conquistas importantes. “Poupança, penhor, habitação, FGTS, programas sociais inovadores, eficientes e reconhecidos no mundo inteiro. Em 157 anos de existência a Caixa consolidou o seu protagonismo no desenvolvimento econômico e social do Brasil”. E ainda: “Quem defende a privatização da Caixa, seja de todo o banco ou seja em partes, não tem o menor compromisso com o Brasil e com os brasileiros”.

Acesse www.naotemsentido.com.br e faça parte da campanha!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER