Semana da Consciência Negra do SindBancários tem documentário e palestra sobre Capoeira Angola terça, 17/11

Se, no primeiro dia da Semana da Consciência Negra do SindBancários 2015, tivemos a  abertura com uma exposição de trabalhos de fotógrafos negros na 1ª Mostra Fotográfica de Arte Negra do Rio Grande do Sul, esta terça-feira, 17/11, será da Capoeira Angola. Na Casa dos Bancários, a partir das 18h, a programação começa com o documentário “Pastinha, Uma Vida pela Capoeira”, dirigido por Antônio Carlos Muricy. Após a sessão, o contramestre Jean Costa Krause realiza uma palestra sobre Capoeira Angola.

Programação da Semana da Consciência Negra do SindBancários 2015

Terça-feira 17/11 | Auditório da Casa dos Bancários

18h: Exibição do documentário “Pastinha, Uma Vida pela Capoeira”. Documentário, dirigido por Antônio Carlos Muricy, que conta a vida de Vicente Ferreira Pastinha, um dos pioneiros da divulgação no Brasil, Europa e África da Capoeira Angola.

19h: Palestra com o contramestre de Capoeira Angola Jean Costa Krause. O contramestre Jean é responsável pelo Círculo Oluwadi de Capoeira Angola. É praticante de capoeira há 25 anos e tem oito anos de dedicação à divulgação da capoeira na Europa (Espanha) e Ásia (Malásia).

Quarta-feira, 18/11 | 19h | CineBancários

Sessão dupla de cinema e cultura negra

Com entrada franca, o CineBancários realizará uma sessão especial com dois filmes nacionais que tratam de temas relacionados à cultura da etnia negra. Após a exibição, haverá um debate com o Doutor em História, José Antonio dos Santos, que abordará o tema, dentro das atividades da Semana da Consciência Negra, promovida pelo SindBancários.

Confira os filmes:

1- SOU

Dirigido por Andreia Vigo, o documentário “Sou” é um registro histórico-poético da identidade negra gaúcha, tendo como base a vida e a obra do poeta gaúcho Oliveira Silveira (1941-2009). Oliveira também é conhecido como o poeta da Consciência Negra, por ter sido um dos idealizadores da proposta de criação do 20 de novembro – Dia Nacional da Consciência Negra. Filmado em Porto Alegre, Rosário do Sul e na Serra do Caverá, o documentário faz parte do projeto RS negro: educando para a diversidade.

Título original: Sou.

Duração: 26 min

Ano de produção: 2010.

País: Brasil

Gênero: Documentário.

Direção: Andreia Vigo

2 – Balé de pé no chão

“Balé de pé no chão” é um curta-metragem de Lilian Solá Santiago e Marianna Monteiro. O filme conta a história de Mercedes Baptista, bailarina brasileira com formação erudita que, na década de 50, a partir da criação de seu grupo, passa a estudar os movimentos rituais do candomblé e de danças folclóricas. “Balé de pé no chão” revela o papel central da cultura negra na dança moderna brasileira, e o pioneirismo de Mercedes Baptista na luta pela afirmação do negro na dança cênica nacional. Ela é considerada a principal precursora da criação da identidade negra na dança erudita no Brasil. As histórias da primeira bailarina negra do Theatro Municipal do Rio de Janeiro renderam um livro: “Mercedes Baptista: a criação da identidade negra na dança”, de Paulo Melgaço da Silva Jr.

Titulo original: Balé de Pé no Chão

Duração: 17 minutos

Ano de Produção: 2005

País: Brasil

Gênero: Documentário

Direção: Lilian Solá Santiago e Marianna Monteiro

Debatedor: José Antônio dos Santos – Doutor em história, trabalha no Departamento de Educação e Desenvolvimento Social, da Pró-Reitoria de Extensão – UFRGS, onde desenvolve ensino, extensão e pesquisa sobre os temas da história e da cultura e da identidade negra brasileira e africana.

Quinta-feira, 19/11 | Auditório do 3º Andar da Casa dos Bancários

Debate “Organização Política dos Negros no século XIX, antes e depois da Abolição”

18h: Debate com a participação de integrantes de entidades e movimentos sociais representantes do povo negro, como o jornalista Paulo César Teixeira, autor de “Nega Lu – Uma dama de barba malfeita”, lançado recentemente na 61ª Feira do Livro de Porto Alegre. O painel “Organização Política dos Negros no século XIX, antes e depois da Abolição”. Mediação do diretor da Fetrafi-RS e integrante do Coletivo de Discriminação Étnica do SindBancários, Edison Moura.

Sexta-feira, 20/11 | Largo Glênio Peres

17h: Concentração para a Marcha Zumbi dos Palmares

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER