Quadrilha explode agência do Banrisul e faz refém em Farroupilha, no dia 21

quadrilha que utilizou explosivos para atacar uma agência do Banrisul em Farroupilha, na Serra, por volta das 4h da manhã de sábado, 21/07, pode ser oriunda da região. A afirmação é do comandante do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM), major Juliano Amaral. Segundo o militar, que falou ao Correio do Povo, o veículo usado na ação, um Honda WR-V, foi encharcado com querosene com a intenção de ser incendiado, mas isso não chegou a ser concretizado. O ato, porém, não foi concretizado. O oficial revelou ainda que um segundo veículo prestou apoio no ataque e por isso as buscas foram mantidas ao longo de sábado em toda a região. Os criminosos explodiram dois caixas eletrônicos.

Refém durante o ataque

Um homem de 27 anos, que passava de carro pelo local na hora do assalto, foi ob rigado a parar4 e deritar-se ao lado ndo veículo, ouvindo disparos de tiros e a explosão dos equipamentos eletrônicos. Ao deixarem a agência, os criminosos o liberaram.

Tiros em câmera de segurança

Além de usar explosivos para abrir caixas eletrônicos da agência localizada no Bairro Vicenza, o grupo ainda derrubou a tiros uma câmera de monitoramento que registrou parte da ocorrência. Após as explosões, destroços ficaram espalhados inclusive na calçada. Os cinco criminosos estavam encapuzados no momento da invasão, usaram armas longas e roubaram dinheiro dos terminais. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: Imprensa SindBasncários, com informações e foto de Correio do Povo.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER