Presidente do HSBC estaria envolvido no escândalo

hsbc_presidente

De acordo com reportagem do jornal britânico “The Guardian” publicada neste domingo (22), o presidente-executivo do HSBC, Stuart Gulliver, está envolvido no escândalo fiscal.

Conhecido como “Swissleaks”, esquema divulgado por uma associação internacional de jornalistas ajudou clientes a esconder bilhões de dólares em ativos para evitar o pagamento de impostos.

O executivo seria o dono de uma conta aberta em nome da Worcester Equities Inc., uma empresa anônima registrada no Panamá, com um saldo de 7,6 milhões de libras em 2007, e manteve seu domicílio fiscal em Hong Kong.

Ele teria recebido seus pagamentos de bônus do HSBC por meio desta conta até 2003.

Fonte: Portal Brasil 247

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER