Parabéns e defesa do banco dos gaúchos e gaúchas nos 94 anos do Banrisul

Ato em frente à agência central celebrou aniversário e lembrou da luta pela defesa do caráter público da instituição

O dia 12 de setembro marca o aniversário do Banco do Estado do Rio Grande do Sul, um dos patrimônios da população gaúcha. Nesta segunda-feira, data em que celebra 94 anos de história, o SindBancários realizou um ato em frente à agência central do Banrisul, na Praça da Alfândega, com direito a parabéns, bolo e falas sobre a importância do banco para os gaúchos e gaúchas.

Os festejos foram decorados com balões azuis e brancos, nas cores do banco, e faixas da dupla GreNal contra a privatização. Dezenas de banrisulenses, sindicalistas, políticos e público em geral passaram pelo ato, que defendeu o caráter público do Banrisul e denunciou as constantes tentativas de ataque e ameaças que vem sofrendo nos últimos anos.

O presidente do SindBancários, Luciano Fetzner, parabenizou o Banrisul pelo seu aniversário e enfatizou o compromisso do banco com a melhora da vida da população, atendendo os interesses da sociedade como um todo. “O Banrisul faz diferença na nossa sociedade incentivando o pequeno produtor lá no interior, num cantinho que nenhum outro banco está interessado em colocar dinheiro, porque enxerga que não vai ter volta, assim como incentivando as feiras, a cultura, incentivando o Rio Grande a continuar sendo um Estado grande e forte que é. Por isso, se depender de nós, o Banrisul vai passar dos 100 anos, e esses 94 anos serão mais uma etapa dessa história”, afirmou.

“Nós, bancários e bancárias, também estamos de parabéns por termos mais uma vez conseguido superar uma campanha salarial da categoria sem perda de direitos, e no caso do Banrisul, termos conseguido um concurso público para mais de 1000 pessoas. Isso não é pouca coisa e é motivo de orgulho para o movimento sindical; estamos gerando a curto prazo mais de mil empregos em um estado e um país que estão amargando a falta de emprego, a fome e outras dificuldades econômicas e sociais”, complementou o dirigente.

História de resistência frente a ameaças privatistas

Conforme o vice-presidente da CUT-RS e ex-presidente do Sindicato, Everton Gimenis, o dia de hoje é um dia para exaltar a luta e a resistência do Banrisul, mas também denunciar o descaso dos governos e a tentativa de entrega do banco. “A defesa do Banrisul é uma luta dos banrisulenses e da sociedade gaúcha, porque o Banrisul não é importante só para os seus funcionários, é importante para o povo gaúcho. E é por isso que os governos não tiveram coragem de fazer o plebiscito, porque o povo sabe a importância do Banrisul”, observou o sindicalista, citando a aprovação da PEC 280/2019.

O diretor da Fetrafi-RS, Sergio Hoff, também criticou a aprovação da PEC 280 pela bancada governista, que retirou a obrigatoriedade da realização de plebiscito popular para a privatização do Banrisul, Corsan e Procergs, preparando o terreno para o próximo governador vender o banco sem consultar a opinião da população. Segundo o dirigente, as eleições de outubro são a oportunidade que a população tem para dizer “chega de entregar nosso patrimônio”.

Ana Guimaraens, diretora de Cultura do SindBancários e funcionária do banco, salientou que o compromisso de todos que o defendem é nestas eleições. “Tem dois movimentos que são fundamentais para a manutenção do Banrisul: um é definir em quem votar para governador e o outro é definir quem escolher para te representar como candidato(a) a deputado(a)”, colocou a dirigente.

O presidente do Sindicato finalizou o ato afirmando que “é fundamental que a gente lembre em outubro quem são os candidatos que acreditam na importância de um banco público e que estão ao lado dos trabalhadores e trabalhadoras. Tem muito mentiroso por aí que agora, convenientemente, está dizendo que não sabe se tem que privatizar o Banrisul. É só procurar entrevistas antigas dos dois candidatos que estão à frente na corrida para o governo do Estado para ver que eles disseram em alto e bom som, diversas vezes, que defendem a privatização do Banrisul. Agora querem enganar o povo”, completou Fetzner.

Texto: Amanda Zulke/Imprensa SindBancários

Fotos: Amanda Zulke e Fernanda Hartmann

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER