Pais e mães bancários fazem história no Sindicato

Curso de paternidade responsável em parceria entre Cabergs e SindBancários reuniu bancários se preparando receber seus filhos

Tudo é novidade para os marinheiros e marinheiras de primeira viagem. Sobe um nervoso, tem muita informação nova a aprender e ainda tem que saber o que é um cueiro. Mas o mais importante de tudo é saber que em algumas semanas, uma micropessoa, um bebê, uma amostra grátis com feições parecidas com a gente vai começar a fazer parte das nossas vidas. Sim, em poucas semanas, a gente pode viver uma experiência muito nova: o nascimento do(a) filho(a).

Foi essa vibe que tomou conta do auditório da Casa dos Bancários de 18 a 26 de março para fazer história. A Cabergs Saúde em parceria com o SindBancários realizou, pela primeira vez na sede da categoria, o curso de Paternidade Responsável. A carga horária não é fácil, mas é fácil perceber os futuros papais e mamães bancários curtindo cada informação.

Com 21 semanas de gestação a esposa grávida de um bancário do Banrisul conta que passou por algumas fases desde que soube que estava grávida. A fase do susto já ficou para trás. Agora, eles vivem a fase da afeição.

O marido, funcionário do Banrisul, conta que não esperava ser pai agora, mas que está curtindo muito a responsabilidade. Esteve muito interessado. “Fiz o curso de EAD e optei por fazer o curso presencial também. Espero algum tipo de experiência prática. Não sei trocar fralda e3 nem dar banho”, disse ele.

No intervalo do primeiro encontro, ele chegou a procurar a enfermeira Ana Michelle Torres, da Cabergs, a instrutora do primeiro módulo do curso para fazer perguntas sobre a chegada do bebê e a relação com cães em casa. Ana Michelle chegou a dizer que a relação entre o cão e a criança costuma ser de parceria. E que vale a pena estimular, com os devidos cuidados com a higiene do animal.

Aliás, Ana Michelle contou que o primeiro curso foi um sucesso. Foram 17 casais, sendo um, ao menos, bancário do Banrisul. Uma dos aspectos que Ana Michelle enfatiza é a presença do pai, a criança de vínculo com a criança e com a mãe.

“Deixa o pai fazer bastante coisa. A mãe tem o vínculo que é amamentar. A mãe, às vezes, tem medo de deixar o pai fazer as tarefas. A gente tem que permitir esse vínculo. O pai precisa criar vínculos desde agora. O pai precisa tem que falar com o bebê desde agora”, ensina Ana Michelle.

Novas turmas

O primeiro curso de Paternidade Responsável em parceria entre o Sindicato e a Cabergs é considerado um sucesso. A assessora de Saúde do SindBancários, Jaceia Netz, explica que novas turmas serão formadas, com vagas, para pais bancários e bancárias de bancos privados. “A experiência de acolher bancários que estão vivendo essa expectativa incrível da maternidade e da paternidade faz também parte da vida do Sindicato. A parceria irá continuar para ajudar os bancários a passarem por esta fase que é difícil trabalhosa, mas também muito amorosa”, diz Jaceia.

Assim que houve definição de datas, o Sindicato irá informar em suas plataformas digitais e em seu jornal impresso.

 

Entenda a licença paternidade

A presidente Dilma Rousseff sancionou a lei que aumenta a licença-paternidade de cinco para 20 dias em 8 de março de 2016. A Lei 13.257/2016, que dispõe sobre as políticas públicas para a primeira infância, estabeleceu a licença paternidade para os empregados de empresas que participam do Programa Empresa Cidadã. A licença-paternidade passou de cinco para 20 dias.

Uma conquista para os bancários

A conquista da Campanha Nacional Unificada dos bancários no ano passado está prevista na cláusula 26 da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. Os bancos se comprometem a fazer parte do Programa Empresa Cidadã. O direito está atrelado à renovação pelo governo federal do programa Empresa Cidadã – responsável pela renúncia fiscal dos dias a mais nessas licenças.

Mais informações

[email protected]

(51) 3262-9212

Saiba como foram os módulos do curso

> Segunda-feira, 18/3

14h: Abertura e entrega de material

15h: O que levar para a maternidade. Técnica responsável: Analista de gestão Ana Michelle Torres

15h45: Planos de Assistência Médica da Cabergs. Técnica responsável: assistente social Juliana Bortolini

16h30: Licenças maternidade e paternidade. Técnico responsável analista Palmer Silva / Gestão de Pessoas Banrisul

> Terça-feira, 19/3

14h: Orientação sobre parto normal, parto cesáreo e pós-parto. Técnica responsável: Psicóloga Fabíola Corrêa Alba

15h30: Paternidade responsável: cuidado e compromisso. Técnico responsável: Psicóloga Fabíola Corrêa Alba.

> Quinta-feira, 21/3

14h: Alimentação do gestante e lactante, orientações e incentivo ao aleitamento materno. Técnico responsável: Nutricionista Cristine Santarém.

15h45: Aleitamento materno e técnicas de amamentação. Técnica responsável: Analista de gestão Ana Michelle Torres.

> Segunda-feira, 25/3

14h: Cuidados domiciliares com o bebê / arrumando a mala para a maternidade. Técnica responsável: Analista de gestão Ana Michelle Torres.

16h: Relato de experiência: Os primeiros meses do bebê.

> Terça-feira, 26/3

14h: Aspectos emocionais na gestação. Técnica responsável: Técnico responsável: Psicóloga Fabíola Corrêa Alba.

15h30: Calendário Nacional de Imunização – para a mamãe e para o bebê. Técnica responsável: Analista de gestão Ana Michelle Torres.

17h: Avaliação final.

Fonte: Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER