O Menino 23 chega ao CineBancários na semana da Consciência Negra

O Menino 23 – Infâncias Perdidas no Brasil, de Belisario Franca, está na disputa para melhor documentário no Oscar 2017 e estreia em Porto Alegre no dia 17 de novembro, no Cine Bancários, nas sessões das 15h e 19h. O documentário conta a história de meninos órfãos e negros, vítimas de um projeto criminoso de eugenia, que foram escravizados no ano de 1930 por simpatizantes do nazismo. Os ingressos são R$ 10,00 (inteiras) para público geral, e R$ 5,00 (meias) para estudantes, idosos, pessoas com deficiência, bancários sindicalizados e jornalistas sindicalizados.

O longa é uma produção da Grios em parceria com a Globonews e Globo Filmes e estreiará em solo americano em dezembro, no Cinema Village, em Nova York e em Laemmle Music Hall, em Los Angeles.

Durante sua trajetória, Belisario Franca se lançou em vários inventários, na busca de entender seu país, a formação do povo brasileiro e as razões do abismo de oportunidades entre ricos e pobres – questões que o assolavam desde pequeno. O comportamento das elites em relação à infância pobre e o racismo impregnado em nosso cotidiano de forma tão natural quanto nociva sempre esteve presente nas suas pesquisas. Seu contato com o historiador Sidney Aguilar se deu durante a produção de mais uma série que se dedicava a estudar a história do Brasil.

SINOPSE

A partir da descoberta de tijolos marcados com suásticas nazistas em uma fazenda no interior de São Paulo, o filme acompanha a investigação do historiador Sidney Aguilar e a descoberta de um fato assustador: durante os anos 1930, cinquenta meninos negros e mulatos foram levados de um orfanato no Rio de Janeiro para a fazenda onde os tijolos foram encontrados. Lá, passaram a ser identificados por números e foram submetidos ao trabalho escravo por uma família que fazia parte da elite política e econômica do país, e que não escodia sua simpatia pelo ideário nazista. Aos 83 anos, dois sobreviventes dessa tragédia brasileira, Aloísio Silva (o “menino 23”) e Argemiro Santos, assim como a família de José Alves de Almeida (o “Dois”), revelam suas histórias pela primeira vez.

FICHA TÉCNICA

Dirigido por Belisario Franca
Roteiro por Bianca Lenti, Belisario Franca
Direção de Fotografia por Thiago Lima, Mário Franca
Direção de Arte por Rogério Costa
Edição por Yan Motta
Som por Ivanildo Silva
Produção por Maria carneiro da Cunha
Produção Executiva por Cláudia Lima
Música por Armand Amar
Fotografia por Thiago Lima, Mário Franca, Lula Cerri

GRADE DE HORÁRIOS

24 de novembro (quinta-feira)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

25 de novembro (sexta-feira)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

26 de novembro (sábado)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

27 de novembro (domingo)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

29 de novembro (terça-feira)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

30 de novembro (quarta-feira)
15h – Menino 23
17h – Menino 23
19h – Cinema Novo

C i n eB a n c á r i o s
Rua General Câmara, 424, Centro
Porto Alegre | RS | CEP 90010-230
cinebancarios.blogspot.com.br
www.sindbancarios.org.br
Fone: (51) 34331204

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER