Filme Os Ossos da Saudade estreia no CineBancários nesta quinta (29)

Longa-metragem do documentarista mineiro Marcos Pimentel flutua por arqueologias pessoais e afetivas

Estreia no dia 29 de setembro, na sessão das 15h, no CineBancários, Os Ossos da Saudade, dirigido pelo documentarista mineiro Marcos Pimentel. Lançando mão de uma narrativa fragmentada, que segue os imprecisos e pouco nítidos territórios da memória, o filme nos apresenta um panorama sobre singularidades e semelhanças culturais, afetivas e existenciais presentes em pessoas distintas que dividem seus atos de recordar.

Existe uma tese linguística que defende que a palavra SAUDADE – que define de maneira tão precisa o sentimento de falta – só existe na língua portuguesa porque, durante o período das navegações, os lusitanos eram grandes viajantes. Seres errantes que cruzavam os mares por meses, anos e, até mesmo, décadas, deixando para trás sua terra e sua gente.

“Os Ossos da Saudade” mergulha no interior de seus personagens em busca de recordações profundas. Histórias de infância, fragmentos sobre o passado, confissões cotidianas, relatos de viagem. Os cenários são muitos. O filme flutua por arqueologias pessoais e afetivas, flanando por memórias e lembranças de pessoas entregues a pensamentos que não se engessam em modelos estáticos e a olhares que não se fixam em cronologias lineares ou em cartografias precisas.

É um filme sobre a ausência, narrado a partir das vivências de pessoas que experimentam sentimentos de falta e distância, espalhados por Brasil, Portugal, Angola, Moçambique e Cabo Verde. Brasileiros e estrangeiros atravessados pela saudade, que, de alguma forma, carregam o Brasil em seus baús interiores.

PROGRAMAÇÃO CINEBANCÁRIOS
29 de setembro a 5 de outubro

15h: OS OSSOS DA SAUDADE

17h: O LIVRO DOS PRAZERES

19h: DESTERRO

*Não há sessões nas segundas-feiras

ESTREIA

OS OSSOS DA SAUDADE

2021 | 107 min | Brasil, Portugal, Angola, Moçambique, Cabo Verde

Sinopse – O documentário retrata algumas pessoas do Brasil, Moçambique, Angola, Cabo Verde e Portugal que vivenciam a palavra “saudade” através das características que se assemelham entre eles, mesmo sendo de países distintos. Paisagens externas se unem às lembranças afetivas e existenciais de cada personagem, onde seus pensamentos e olhares transitam entre os fatos, sem se prender a um modelo e à exatidão do tempo e do lugar.



CONTINUAÇÕES

DESTERRO
Direção – Maria Clara Escobar
Brasil/ Argentina/ Portugal, 2020, 123′
 
World Premiere – Rotterdam International Film Festival 2020

Sinopse – Desterro. Descompasso. O que se passa dentro de Laura (Carla Kinzo) parece estar sempre em um espaço diferente e em um ritmo distinto daquilo que se espera dela. Desconfortável, Laura decide sair de casa e seguir uma jornada pessoal sem rumo definido. Num percurso de autodescoberta, ela se depara com situações imprevisíveis e outras histórias de vida que vão reconfigurar suas próprias ideias.

Elenco: Carla Kinzo, Otto Jr., Rômulo Braga


O LIVRO DOS PRAZERES
Direção: Marcela Lordy
Brasil/Argentina/ Drama/ 2021/ 100min

O longa fez sua estreia na Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, em 2020, quando o evento aconteceu exclusivamente online, e ficou no top 3 dos mais vistos e bem votados da edição. Depois disso, o longa viajou o mundo em festivais presenciais e virtuais, recebendo diversos prêmios como no 22˚ BAFICI (Competição Americana – Prêmio de Melhor Atriz para Simone Spoladore e Menção Honrosa para o longa); 26 ̊ Festival de Cinema de Vitória (Prêmio de Melhor Roteiro, Melhor Interpretação para Simone Spoladore e Menção Honrosa para Fotografia de Mauro Pinheiro Júnior, ABC); e Festival do Rio 2021
 
Sinopse: Simone Spoladore interpreta a protagonista, Lóri, uma professora fluminense recém chegada no Rio de Janeiro com dificuldade de estabelecer elos afetivos mais profundos, até conhecer Ulisses (Javier Drolas), um professor de filosofia argentino, com quem viverá um relacionamento intenso. As personagens e a direção feminina, em um filme livremente inspirado na obra de uma autora mulher, aborda justamente os prazeres femininos, de uma maneira ainda pouco vista nos cinemas.
Elenco: Simone Spoladore e Javier Drolas.
Ingressos

Os ingressos podem ser adquiridos a R$ 12 na bilheteria do CineBancários. Idosos (as), estudantes, bancários (as), jornalistas sindicalizados (as), portadores de ID Jovem e pessoas com deficiência pagam R$ 6. São aceitos cartões nas bandeiras Banricompras, Visa, MasterCard e Elo.

CineBancários

Rua General Câmara, 424 – Centro – Porto Alegre

Mais informações pelo telefone (51) 3030.9405 ou pelo e-mail [email protected]

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER