Estão abertras as inscrições ao VI Fórum Nacional Pela Visibilidade Negra no Sistema Financeiro

As 400 inscrições ao evento, que acontece de forma online, podem ser feitas até o dia 22/11

Organizado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), já estão abertas as inscrições para o VI Fórum Nacional Pela Visibilidade Negra no Sistema Financeiro, que será realizado no dia 23 de novembro de 2021, de forma online. O Fórum é dirigido aos dirigentes sindicais e às assessorias responsáveis pelas Secretarias de Políticas Sociais dos Sindicatos e das Federações.Ao todo, são 400 vagas. As inscrições poderão ser efetivadas até o dia 22 de novembro e, após confirmadas, o (a) participante receberá, por e-mail, o acesso ao evento.

“Estamos realizando o VI Fórum Nacional Pela Visibilidade Negra no Sistema Financeiro para debater o racismo na sociedade e seus reflexos no mercado de trabalho”, explica Almir Aguiar, secretário de Combate ao Racismo da Contraf-CUT.  “Nosso interesse é fortalecer o debate do combate ao racismo e discutir formas de atuação sindical para ampliar o número de negras e negros na categoria bancária, e lutar, junto ao movimento negro, para que todos os trabalhadores dos mais diversos seguimentos tenham oportunidade, de acesso e salário justo. Chega de racismo no trabalho e na vida”, diz Almir.

Conjuntura absurda

“Vivemos hoje numa conjuntura absurda, no qual o racismo tem se propagados todos os dias, seja na violência policial, agressões verbais e muito forte no mercado de trabalho. Onde a população negra tem sido discriminada no acesso ao mercado mais qualificado, no sistema financeiro, o II Censo da Diversidade, de 2014, mostrou que que somente 24,7% dos trabalhadores nos bancos brasileiros são negros.

O secretário de Combate ao Racismo, na Contraf-CUT, é taxativo: “Com certeza a cor da pele é um impeditivo para ascensão profissional. É necessário que os bancos deixem seus preconceitos de lado e realmente promovam a inclusão, saindo do discurso para a prática”, completa Aguiar.

Programação completa do Fórum:

9h30 – Abertura

ANÁLISE DE CONJUNTURA HISTÓRICA DAS RELAÇÕES RACIAIS NO BRASIL, DIREITOS E PERSPECTIVAS

10h30 – “O resgate do trabalho escravo, desde o sequestro dos irmãos negros na África até o fim do século XIX”

Ramatis Jacino

11h05 – “Genocídio da população negra e suas relações históricas”

Tamires Sampaio

12h – Debate

13h – Intervalo para Almoço

PARTICIPAÇÃO DOS NEGROS NO MERCADO DE TRABALHO E POLÍTICAS DE COMBATE AO RACISMO

14h – “A questão racial no mercado de trabalho e no setor bancário”

Nádia Vieira

14h25 – “Conquistas históricas, ações afirmativas na luta contra o racismo na vida e no trabalho”

Gabriel Sampaio

14h55 – Educação como mecanismo de mobilidade econômica no mercado de trabalho”

Anatalina Lourenço

EMPODERAMENTO DA MULHER NEGRA E VIOLÊNCIA NA PANDEMIA

15h40 – “Empoderamento das mulheres negras e violência na pandemia”

Major Denice

16h05 – “A importância do ativismo político das mulheres negras”

Ana Cruz

16h30 – Criações Imaginéticas: Narrativas reais na pandemia”

Giorgia Prates

17h25 – Encerramento

Fonte: Contraf-CUT, com Edição de Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER