CUT-RS e SindBancários promovem campanha de Natal Solidário com entrega de alimentos em Porto Alegre

Marmitas beneficiaram centenas de famílias carentes

Ação realizada no último domingo distribuiu mais de mil marmitas na periferia da Capital

A CUT-RS, juntamente com o Sindicato dos Bancários de Porto Alegre e Região (SindBancários), promoveu neste final de ano a campanha “Natal da Solidariedade – Por comida no prato, em defesa da vida”, com entrega de alimentos em vários bairros da periferia de Porto Alegre. A ação realizada no último domingo (19) beneficiou mais de três mil pessoas carentes com a entrega de mil marmitas e centenas de quilos de alimentos não perecíveis.

A iniciativa integra o projeto CUT com a Comunidade, que, desde o início da pandemia, une entidades como Adufrgs Sindical, Sinpro-RS, Sindisaúde-RS, Sinttel-RS, Fetrafi-RS, Stimepa, Semapi-RS, Sindiserf-RS, SindBancários do Vale do Paranhana e Sindipolo, com apoio da Cresol e do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), em torno de um mutirão de recolhimento e distribuição de donativos para cidadãos em situação de vulnerabilidade social.

Na ocasião, foram distribuídos donativos nas Vilas Cruzeiro, Lomba do Pinheiro, Restinga e Morro da Cruz, onde foram entregues marmitas preparadas em 12 cozinhas comunitárias. Na Farrapos e Mário Quintana foram distribuídos cachorro-quente e suco para as crianças.

Os Trabalhadores e trabalhadoras de galpões de reciclagem também foram atendidos com cestas básicas e kits de higiene contendo sabonete, creme dental e absorventes.

Todas essas ações visam levar dignidade para mais pessoas neste final de ano diante do crescimento da fome, do desemprego e da miséria por conta da falta de políticas públicas de emprego, renda e assistência social dos governos de plantão, que não atuam no combate à crise econômica e à pandemia.

Everton Gimenis, diretor do SindBancários e vice-presidente da CUT RS
Everton Gimenis, diretor do SindBancários e vice-presidente da CUT RS

Vestindo uma camiseta da campanha contra o desmonte e privatização do Banrisul, o vice-presidente da CUT-RS e diretor do SindBancários, Everton Gimenis, participou da ação e elogiou o esforço coletivo para garantia das necessidades básicas das comunidades.

“O domingo foi de sol, foi quente, fez muito calor, mas estamos muito felizes porque promovemos um grande ato de solidariedade e conseguimos contribuir com as comunidades organizadas que sim, estão passando fome, porém através da iniciativa do Natal solidário da CUT-RS, SindBancários, MST e demais sindicatos, conseguiram amenizar um pouco a situação calamitosa. São centenas de famílias de Porto Alegre que terão o que comer no final do ano”, avaliou o dirigente sindical.

O presidente da CUT-RS, Amarildo Cenci, lembrou que os pontos fundamentais da ação são a defesa do trabalho, renda, saúde e educação de qualidade para todos e todas.

“São dias de celebrar a vida e a luta e por isso queremos comemorar um natal sem fome, sem miséria e denunciar o desemprego, acumulação de riqueza na mão de poucos. Vamos celebrar e pensar nosso futuro com esperança, porque acreditamos que um novo Brasil e um novo Rio Grande do Sul são possíveis”, refletiu Cenci após a entrega das cestas e marmitas.

Ações visam levar dignidade para mais pessoas neste final de ano diante do crescimento da fome, do desemprego e da miséria
ações visam levar dignidade para mais pessoas neste final de ano diante do crescimento da fome, do desemprego e da miséria

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER