Contraf-CUT entrega pauta de reivindicações específicas do Santander nesta quinta, 12/5

A Contraf-CUT, Federações e Sindicatos entregam nesta quinta-feira, 12/5, ao Santander, em São Paulo, às 15h, as reivindicações específicas dos funcionários para as discussões do acordo aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho (CCT).

A pauta foi debatida e definida durante Encontro Nacional dos Funcionários do Santander, que ocorreu durante dois dias, 12 e 13 e abril, na capital paulista, e aprovada em assembleias nos sindicatos.

Entre as reivindicações, estão a garantia de emprego, fim do banco de horas, aumento do patamar mínimo da PPRS, melhorias nos programas de retorno ao trabalho após licença médica, administração dos planos de benefícios pelo Banesprev. Os representantes dos trabalhadores também reivindicam a inclusão no acordo aditivo de cláusula específica que estabeleça a discussão da cláusula 57º da CCT da categoria, sobre o Programa de Desenvolvimento Organizacional para Melhoria Contínua das Relações de Trabalho.

“A pauta específica é resultado de um amplo debate democrático com os trabalhadores do Santander, que também foram ouvidos por consultas, além dos encontros regionais e nosso encontro nacional, em abril. Este ano vamos fazer negociação no período de conjuntura extremamente difícil. Por isso, é fundamental a participação e mobilização de todos”, ressalta Mario Raia, secretário de Relações Internacionais da Contraf-CUT e representante da Confederação na Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander

“Nossa expectativa é a renovação das cláusulas atuais, agregar novos avanços e discutir o Programa Próprio de Remuneração Santander no que diz respeito à legislação e também que haja um basta à cobrança por metas abusivas que tanto adoecem os funcionários”, afirma Maria Rosani, da Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Santander.

Fonte: Contraf-CUT

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER