Cabesp: Santander cumpre Acordo Coletivo e convoca entidades sindicais para Grupo de Trabalho

Sindicatos ingressaram na Justiça reivindicando a criação do GT por conta de alterações que estavam em curso na Cabesp sem discussão com sindicatos

Recentemente, os sindicatos ingressaram na Justiça reivindicando a criação do GT por conta de alterações que estavam em curso na Cabesp sem a discussão com os representantes sindicais, o que contraria o previsto no aditivo ao Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). Agora fazendo da forma correta, o Santander convidou os representantes sindicais para compor um grupo paritário para discutir propostas.

Na composição deste grupo estão previstos dez membros, sendo quatro dos sindicatos, quatro do Santander e dois da Cabesp. Representando a Cabesp, participarão um diretor indicado do banco e um diretor eleito, garantindo assim que a paridade seja respeitada.

Dirigentes sindicais reivindicaram a participação de um representante de cada associação (Afubesp, Afabesp e Abesprev), e o banco acatou o pedido. Desta forma, a composição garante a representatividade de toda a comunidade banespiana.

Próximos passos

A reunião de instalação do GT está prevista para o próximo dia 18 de maio, com apresentação da proposta que deverá ser amplamente discutida. Lembramos que o grupo, que é apenas consultivo, é para discussão sobre propostas para o futuro da Cabesp, porém quem delibera e aprova ou não eventuais propostas de mudança é o associado.

O nosso compromisso é o de manter todos os associados informados durante as discussões e, ao final dos trabalhos, daremos ampla divulgação do resultado. Uma eventual proposta de reestruturação deverá ser objeto de discussão e deliberação em uma assembleia, conforme reza o Estatuto.

Por isso, é importante que todos os associados se mantenham informados nos sites e redes sociais das entidades de representação.

Fonte: Afubesp

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER