Bradesco FC conquista bicampeonato consecutivo do Torneio SindBancários de Futebol Sete

 

Depois de 226 gols e 38 jogos, o Torneio SindBancários de Futebol Sete 2014 chegou ao fim com duas decisões de tirar o fôlego no sábado, 29/11, na HD Sports Farrapos. O Bradesco FC repetiu a dose do ano passado e conquistou o título. A diferença também foi de um gol. Ao final, o placar de 1 a 0 garantiu a vitória sobre o Metropol FC e o segundo título consecutivo da competição. Na decisão de terceiro e quarto lugares, melhor para o Bradesco FC, que venceu o Santander por 6 a 1.

Os números confirmam a qualidade que os jogadores demonstraram em campo. A média de gols do campeonato foi de seis por jogo. Para coroar a qualidade técnica, a cerimônia de premiação e a confraternização com churrasco após a final teve participação de cerca várias pessoas, entre familiares, colegas de outros bancos e amigos dos jogadores. O Torneio SindBancários de Futebol Sete teve apoio de AVM Advogados.

“Acompanhei todos os jogos e participei do torneio. Os bancários estão de parabéns pela qualidade do futebol, pela confraternização e pela participação. O futebol é importante porque podemos pensar na categoria de forma coletiva. Os bancários sofrem muito em seus locais de trabalho com assédio moral e cobrança de metas abusivas. Essa confraternização ajuda a gente a relaxar um pouco e também reafirma o compromisso do Sindicato em melhorar as condições de trabalho e de vida dos trabalhadores”, disse o presidente do SindBancários, Everton Gimenis.

O diretor de Cultura, Esporte e Lazer, Tiago Vasconcellos Pedroso, exaltou a participação e a qualidade dos times. “Mais uma vez os bancários mostraram que têm bola no pé. Foi um campeonato com muita participação dos colegas e dos familiares. Encerramos mais um ano esportivo com êxito. Em 2015, contamos com a participação de todos para realizarmos mais um grande ano esportivo”, disse Tiago.

Veja mais fotos dos dois jogos finais aqui.

A decisão

Se, em 2013, a vitória do Bradesco FC sobre o Metropol FC saiu no final Zinho do jogo (placar de 3 a 2), este ano a diferença de um gol voltou a mostrar equilíbrio entre as equipes. Os dois times lutaram muito nos primeiros movimentos do jogo. Não tinha bola perdida, e as chances de gol demoraram para aparecer.

E quando as chances apareciam os dois goleiros menos vazadas, Mauricius (Bradesco FC) e Douglas (Metropol FC) tratavam de evitar os gols. Até que, aos 16 minutos do primeiro tempo, o Bradesco FC conseguiu um escanteio. A cobrança fez a bola viajar até a entrada da párea adversária. A defesa do Metropol vacilou na marcação. Douglas Appelt não titubeou. Dominou a bola na risca da área e, sem deixar cair, mandou um chute de canhota de vôlei, no canto do goleiro.

O Metropol FC sentiu o golpe. E o primeiro tempo terminou com vantagem para os adversários, Na segunda etapa, o Metropol FC veio para cima. Adiantou a marcação e dificultou a saída de bola do Bradesco FC. As chances apareceram. Numa delas, inclusiva, Mateus apanhou um rebote do goleiro Mauricius e bateu forte. Mauricius fez milagre, com a bola batendo em sua cabeça e indo para a linha de fundo.

De tanto pressionar, o Metropol FC cedeu os contra-ataques. Por pouco, o Bradesco FC não liquidou o jogo. No final, os jogadores puderam comemorar o segundo título consecutivo do Bradesco FC e o quarto da equipe nos torneios dos bancários.

Sete vezes goleador

No jogo que decidiu o terceiro colocado, o Bradesco S.A. abriu vantagem logo do Santander FC. Com o atacante João Vitor (foto abaixo realizando bicicleta) mais uma vez inspirado, os gols começaram a acontecer logo cedo. João Vitor fez três. O que o tornou o artilheiro da competição. Mas não qualquer artilheiro. João Vitor consagrou-se como artilheiro dos torneios do SindBancários, seja no campo, no futsal ou no futebol sete, como o goleador por sete torneios consecutivos. No Torneio SindBancários de Futebol Sete, ele marcou 18.

O atacante Daniel Mendes marcou dois gols na final, ficando com 16 no campeonato, dois atrás de João Vitor. O outro gol do Brades co S.A. foi marcado por Wendell, filho de Daniel Mendes. Douglas Silva descontou para o Santander. Além de troféu e medalhas de terceiro colocado, o Bradesco S.A. foi premiado com o troféu Fair Play, como time que recebeu o menor número de cartões em todo o troneio.

A premiação

Campeão: Bradesco FC

Vice-campeão: Metropol FC

3º lugar: Bradesco S.A

4º lugar: Santander FC

Goleador: João Vitor (Bradesco S.A.), com 18 gols

Goleiros menos vazados: Mauricius Munhoz (Bradesco FC) e Douglas (Metropol FC)

Troféu Fair-play: Bradesco S.A.

Os jogos das decisões, Sábado 29/11

Disputa 3º e 4º lugares

Bradesco S.A. 6×1 Santander FC

Final

Metropol FC 0x1 Bradesco FC

Goleadores

18 gols: João Vitor (Bradesco S.A.).

16 gols: Daniel Mendes (Bradesco S.A.).

13 gols: Fernando Silva (Bradesco FC).

10 gols: José Felipe Vitt (O Resto do Mundo).

9 gols: Gregório Arnecke (Bradesco FC).

7 gols: Jefferson Abe (Caixa) e Felipe de Freitas (Atlético Bradesco).

6 gols: Rafael Silva (Bradesco Gravataí), Fernando Fiúza (Santander FC).

5 gols: Lucas Martini (Atlético Bradesco), Raphael Tubino e Victorio Neto (Santander FC); e Gabriel Hoppe (Itaú); Douglas Appelt (Bradesco FC).

4 gols: Dionatan da Rosa (Atlético Bradesco); Fabiano Borba, Eduardo Fattore, Rodrigo Azevedo e Guilbert Junior (Metropol FC); Maikon Oliveira; Diego Davila (Bradesco Gravataí).

3 gols: Ciro Freitas (Citibank), Gabriel Macedônia (Bradesco Gravataí), Diogo Bisio e Julio Baez (Itaú), Jefferson Martins e Rafael Silvano Frois (Santander FC), Matheus Kuhn (Metropol FC); Rodrigo Tavares (O Resto do Mundo), Rodrigo Saraiva (Atlético Bradesco); Wendell Mendes (Bradesco S.A.); Diego da Silva (Santander FC).

2 gols: Thomas Souza (Itaú Unibanco), Lucas Casseres (Caixa), Filipe Borba (Proibidão da Madrugada FC), Rafael Florence (Proibidão da Madrugada FC); Jaime Gaelzer (Bradesco S.A.); Alexandre Almeida (Citibank), Alex Sandro (Bradesco FC); João Junior e Jonas Felipe (Bradesco Gravataí), Rodrigo Rocha (Santander FC),

1 gol

BRADESCO FC: André Pacheco; Jonathan Matias; Robson Junior; Vinicius Bender.

SANTANDER FC: Marcelo Oliveira; Atlético Bradesco; Vilmar Junior

BRADESCO S.A.: Gerson Junior; Octavio Cezar.

BRADESCO GRAVATAÍ: Bruno Matias; Venicios Muniz.

CAIXA: Luis Paulo; Jonatan Juzwyszyn; Guto Fialho.

ITAÚ-UNIBANCO: Jean Bitencourt; Miranda; Julio Vzejka Jr.,; Dario Santos.

ITAÚ: Yan Bystronski; Everton Borba; Fred Santana.

METROPOL FC: Thiago Remião; Sergio Junior; Guilherme Perasi; Vicente Ruas.

O RESTO DO MUNDO: Rogério Lima; Evandro de Oliveira; Everton Gimenis; Luiz Carlos Cassemiro; Vinicius Soares; Rodrigo Gonzáles.

CITIBANK: Ricardo Pereira.

PROIBIDÃO DA MADRUGADA FC: João Luis.

CARTÕES AMARELOS

BRADESCO FC: 2 cartões: André Silveira, Robson Marques, Emerson Barros, Vinicius Bender e Alex Sandro. 1 cartão:Fernando da Silva, Maikon Oliveira e Jonathan Matias.

 

METROPOL FC: 2 cartões: Eduardo Fattore e Fabiano Borba. 1 cartão: Rinaldo Azeredo, Alexandre Leite, Thiago Remião, Felipe Schlindwein, Vicente Ruas, Matheus Kuhn, Guilbert Júnior.

 

ITAÚ: 1 Cartão: Eduardo Braga e Diogo Bisio,

 

SANTANDER FC: 2 cartões: Victorio Neto. 1 cartão: Vitor Hugo, Thiago Walau, Rodrigo Rocha, André Monteiro, Rafael Frois, Lucas Borges e Ronaldo Borges.

 

PROIBIDÃO DA MAGRUGADA FC: 3 cartões: Melisandro Pereira. 2 cartões: Rafael Porto. 1 cartão: Jonathas Azevedo, Maicon Brodacz, Filipe Cabeleira e Edson Pellenz.

 

ATLÉTICO BRADESCO: 3 cartões: Laion De Latorre. 1 cartão: Luiz Eduardo, Dionatan da Rosa, Rodrigo Barcelos e Felipe de Freitas.

 

BRADESCO S.A.: 2 cartões: Octavio Cezar. 1 cartão: Flavio Monteiro, Wendell Mendes.

 

O RESTO DO MUNDO: 2 cartões: Rogério Lima. 1 cartão: Michel Pereira, Regis Bueno e Gilberto Bahiana.

 

BRADESCO GRAVATAÍ: 2 cartões: Rafael da Silva, Gabriel Macedônia e João Júnior. 1 cartão: Jonathan Jung, Gabriel Tibursky e Marcelo Oliveira.

 

ITAÚ-UNIBANCO: 3 cartões: Thomaz da Silva. 1 cartão: Miranda

 

CAIXA: 1 cartão: Thiago Holz, Dirceu Nunes, Vitor Fraga.

 

CITIBANK: 2 cartões: Mariano Félix. 1 cartão: Ciro Freitas e Fabiano Moro.

 

CARTÕES VERMELHOS

BRADESCO FC: 1 cartão: Maikon Oliveira, Emerson Barros.

 

SANTANDER FC: 1 cartão: Raphael Tubino, Lucas Fernandes, Rafael Frois  e Fernando Fiuza.

 

ITAÚ-UNIBANCO: 1 cartão: Miranda, Rafael Rosa, Thomaz Souza.

 

PROIBIDÃO DA MADRUGADA FC: 1 cartão: Jonathas Azevedo, Maicon Brodacz, Filipe Cabeleira, Luiz C. Soares.

 

BRADESCO GRAVATAÍ: 1 cartão: Alan Gomes.

 

METROPOL FC: 1 cartão: Guilbert Júnior.

 

ATLÉTICO BRADESCO: 1 cartão: Laion De Latorre.

 

O RESTO DO MUNDO: 1 cartão: Ronaldo Gonzales, Rodrigo Gonzales, Luiz Cassemiro, Rogério Lima e Rodrigo Tavares.

 

BRADESCO S.A.: 1 cartão: e Vilson Zanatta Jr..

 

Crédito fotos: Jackson Zanini

 

Fonte: Imprensa SindBancários

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER