Banrisulenses denunciam assédio moral no processo de autoavaliação

Gestores estão orientando funcionários a se autoavaliarem com notas medianas. Sindicato pediu explicações e providências imediatas para o Banrisul.

O SindBancários recebeu, durante esta semana, diversas denúncias de Banrisulenses sobre tentativas de incidência na autoavaliação funcional. Relatos dão conta que gestores de unidades têm chamado reuniões para orientar funcionários a se autoaplicarem notas medianas. “Na minha unidade, fomos orientados a nos autoavaliar com três estrelas”, aponta uma das denúncias.

O processo de autoavaliação foi instituído no contexto do plano de cargos e salários, recém-criado pelo Banrisul. O ponto central é que esta análise influencia diretamente na classificação para promoções dentro do banco. Uma outra denúncia questiona justamente este ponto: “Quem me garante que se eu obedecer a sugestão do gestor, vou receber promoção?”

O SindBancários protocolou nesta quinta-feira (3/11) um ofício no Banrisul pedindo explicações e providências imediatas. No documento, o sindicato aponta “que os funcionários do banco têm sido assediados no processo de autoavaliação, sendo coagidos a se autoaplicarem notas medianas. Essa prática caracteriza claro assédio moral”.

O sindicato orienta que os Banrisulenses continuem denunciando a prática ao sindicato.

Fonte: Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER

Luciano Fetzner Barcellos
(Banrisul)
PRESIDENTE

Tags

Filiado à Fetrafi/RS, Contraf/CUT e CUT
Rua General Câmara, 424-Centro / CEP:90010-230 /
Fone: 51-34331200

Porto Alegre / Rio Grande do Sul / Brasil

Categorias

Categorias

Categorias