Bancários poderão se beneficiar com recuperação de valores do Imposto de Renda sobre ações judiciais pagas

Bancários e bancárias sindicalizadas que receberam verbas de ações judiciais de natureza trabalhista e previdenciária de 2016 até os dias atuais podem se beneficiar com revisão e recuperação de tributos decorrentes do ajuste anual do Imposto de Renda. O escritório de advocacia Suárez e Golgo Advogados Associados, conveniado ao SindBancários, oferece a revisão jurídico-contábil para sindicalizados.

Considerando o atual entendimento jurisprudencial, firmado pelos precedentes das Cortes Superiores (STJ e STF), foi constatado que os beneficiários de ações judiciais trabalhistas, previdenciárias e de servidores públicos vêm recolhendo imposto de renda a mais. De acordo com o advogado Leonardo Nelsis Suárez, com o uso de plataforma de inteligência artificial, especialmente desenvolvida para o cruzamento de informações dos dados complexos do Imposto de Renda e adotando-se postura contábil conservadora, identificou-se a possibilidade de revisar e recuperar tributos decorrentes do ajuste anual do Imposto de Renda.

“É importante destacar que alguns destes créditos poderão estar na eminência de prescrever, por isso pedimos que os interessados contatem o escritório para avaliação e simulação do potencial a ser recuperado”, informa Leonardo. Os honorários de 20% serão cobrados somente ao final do trabalho, em caso de êxito. Nos casos onde a equipe do escritório não encontre valores a serem recuperados, o cliente não precisará fazer qualquer tipo de pagamento ao escritório.

A diretora jurídica do SindBancários, Simoni Fernandes Medeiros, ressalta que não se tratam de ações judiciais, mas de um serviço administrativo contábil oferecido aos sindicalizados.

Documentos necessários:

– Declaração completa do IRPF referente ao exercício em que foram declarados os rendimentos
decorrentes das aludidas ações judiciais ganhas;
– Cópia integral da ação em que o cliente foi beneficiado ou número do processo para verificação dos valores recebidos;
– Cópia do RG;
– Cópia do comprovante de residência.

Acesse aqui a Procuração e o Contrato de Prestação de Serviços.

Interessados podem contatar o Escritório Suárez e Golgo Advogados Associados por meio do WhatsApp do advogado Leonardo Suárez: (51) 99460-1313. A documentação deve ser enviada para o e-mail [email protected]

Imprensa SindBancários

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER