Bancários do BRDE aprovam pauta específica de reivindicações e apontam mobilização

Uma assembleia unânime aprovou na noite da terça-feira, 25/8, na sede do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), em Porto Alegre, a pauta complementar de reivindicações específicas dos funcionários para negociar avanços com a diretoria do banco durante a Campanha Nacional dos Bancários 2015. Durante cerca de duas horas, os colegas do BRDE apontaram as principais demandas que não foram atendidas no ano passado e indicaram a necessidade de fazer mobilização para obter novas conquistas.

Em 2014, os sindicatos de Porto Alegre, Florianópolis e Curitiba assinaram um acordo coletivo de trabalho com o BRDE, que contém dez cláusulas, com vigência de dois anos, isto é, até 2016. Diante da vigência do acordo, os funcionários propuseram negociar e firmar um aditivo ao acordo com validade de um ano.

“Os bancários do BRDE aprovaram várias reivindicações importantes, como a criação de uma comissão paritária para elaborar um novo plano de cargos, salários e carreiras, a extensão do plano de saúde para todos os aposentados, a manutenção do plano odontológico na aposentadoria e eleição de um dos diretores do ISBRE, dentre outras”, afirmou o diretor do SindBancários, Contraf-CUT e CUT-RS, Ademir Wiederkehr.

A assembleia aprovou também propostas novas, como a criação de um grupo de trabalho paritário para definir regras objetivas e transparentes de remoção interna no banco, seja entre setores e departamentos, seja entre as três agências (Porto Alegre, Curitiba e Florianópolis) .

Os colegas apontaram também que a cláusula do acordo, que deveria atualizar os procedimentos do plano odontológico, ainda não foi integralmente cumprida pela diretoria do banco, pois só ocorreu até agora um reajuste na tabela.

“Há uma insatisfação com alguns itens que o banco deveria ter cumprido e não cumpriu. O banco fez a correção dos valores da tabela do Plano de Assistência Odontológica (PAO), mas não chegou àquilo que nós esperamos. A nossa proposta é abrir uma mesa específica sobre esse tema para revisar e atualizar o programa. Só o valor foi atualizado. Cobramos o cumprimento integral dessa cláusula. Os procedimentos precisam ser atualizados também”, destaca o diretor da Fetrafi-RS e funcionário do BRDE, Ottoniel Rocha Júnior, o Toni.

Também participaram da mesa da assembleia os dois delegados sindicais eleitos de Porto Alegre: Pablo Cardoso e André Santana Leiva.

Fonte: Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER