Bancários aprovam em assembleia por unanimidade plano orçamentário de 2019

Os bancários debateram e aprovaram por unanimidade, em assembleia, na quarta-feira, 19/12, no Auditório da Casa dos Bancários, a previsão orçamentária e o plano para o exercício 2019. A previsão de receita foi de R$ 8.440.000, o mesmo valor das despesas (veja resumo ao final desta matéria).

O plano de ação prevê investimentos em organização da luta, na unidade dos colegas e nas mobilizações para enfrentar um período que se anuncia muito difícil na defesa dos direitos. Em virtude dos ataques anunciados do novo governo federal contra direitos históricos como o 13º salário e a as ameaças de impor reforma da previdência haverá necessidade de muita unidade e resistência.

O presidente do SindBancários, Everton Gimenis, explicou que o orçamento para o ano que vem manterá a estratégia de austeridade. “Este ano foi muito complicado em termos de negociação com os banqueiros durante a Campanha Nacional. Não tivemos investimentos em greves, mas tivemos uma campanha mais longa. Em 2019, estamos trabalhando com uma previsão de pressão ainda mais forte para a entrega dos bancos públicos. Vamos precisar trabalhar muito a unidade e a participação da categoria”, assinala Gimenis.

O diretor Financeiro do SindBancários, Tiago Pedroso, lembrou que a Reforma Trabalhista causou um forte impacto nas finanças dos Sindicatos. As receitas diminuíram de tal forma em 2018 que, no caso dos bancários, estava sendo previsto déficit orçamentário de 2018. “O Sindicato trabalhou muito neste ano para reduzir as despesas e aumentar as receitas e obteve sucesso, de forma que, para o próximo ano, trabalhamos com uma previsão de equilíbrio financeiro”, observa Tiago.

Confira abaixo um resumo da previsão orçamentária de 2019:

https://www3.sindbancarios.org.br/wp-content/uploads/2018/12/proposta_orcamento_2019-1.pdf

Fonte: Imprensa SindBancários

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER