Bancários aprovam assembleia permanente

Decisão leva em consideração nova rejeição na mesa de proposta da Fenaban e de bancos públicos, pressão por fim de prazo do atual acordo coletivo e espera por propostas concretas na Campanha Nacional 2020 a qualquer momento

Uma assembleia virtual com mais de 400 colegas bancários(as) na noite da quinta-feira, 27/8, aprovou pelo sistema de votação online Vota Bem, por 323 votos favoráveis (98,5%) e cinco contrários (1,5%), que a base do Sindicato entrasse em assembleia permanente. A medida vai ao encontro da necessidade de convocações para deliberações e decisões sobre propostas concretas que a Fenaban e diretorias de bancos públicos e privados possam fazer a qualquer momento e segue orientação do Comando Nacional dos Bancários.

Essa assembleia permanente torna o processo deliberativo e decisório mais ágil pois libera a necessidade de publicação de editais e o cumprimento de prazos legais de avisos antecipados para formar a assembleia virtual. Outro motivo diz respeito ao fato de o Comando Nacional dos Bancários ter rejeitado nas mesas as propostas de congelamento de salários da Fenaban.

Enquanto a assembleia ocorria pela plataforma ZOOM o Comando Nacional dos Bancários aguardava novo chamado da Fenaban para avaliar proposta, o que não havia ocorrido até as 23h desta quinta, 27/8.

O tempo corre contra nossos direitos históricos. O atual acordo coletivo dos bancários expira em 31 de agosto, a próxima segunda-feira, por causa do fim da ultratividade imposta pela Reforma Trabalhista de 2017. É importante resolver na mesa um acordo coletivo que não retire direitos.

Assita a vídeo em que o presidente eleito do SindBancários, Luciano Fetzner, explica os próximos passos da Campanha Salarial 2020

Lembre. Uma das marcas de nossa Campanha Salarial decidida em encontros estaduais e nacionais é a hashtag #NehumDireitoAMenos

Encaminhamentos

A assembleia da noite da quinta também enumerou os seguintes encaminhamentos de bancários para a campanha salarial, que a diretoria do SindBancários irá viabilizar.

> Intensificar a militância virtual em atividades de mobilização e protesto contra as propostas rebaixadas dos banqueiros nas redes sociais.

> Procurar outras categorias de trabalhadores em luta por direitos em suas campanhas salariais para atividades conjuntas.

> Continuidade das negociações em mesas com a Fenaban e bancos públicos

O presidente eleito do SindBancários, Luciano Fetzner, reiterou a importância de os bancários ficarem atentos às informações sobre os desdobramentos da Campanha Salarial 2020 e participativos.

“Assim que os banqueiros apresentarem propostas concretas, os bancários e bancárias de todo o país poderão decidir virtualmente e com segurança os rumos da campanha Salarial”, afirmou Luciano.

Fonte: Imprensa SindBancários

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER