Após manifestações, BB prorroga prazo para reestruturação das Gecex

Em resposta ao ofício enviado pela Contraf-CUT e às manifestações em todo o país, o Banco do Brasil informou que haverá extensão do prazo para readequação do quadro das dependências até 12 de janeiro de 2015. Em Porto Alegre, dirigentes da Fetrafi-RS e do SindBancários, junto com colegas do BB, paralisaram as atividades na Gecex.

 “A manifestação valeu a pena. Quando a gente se mobiliza e vai em busca daquilo que acreditamos ser justo, as chances de conquistarmos melhores condições de trabalho são muito maiores. Essa prorrogação que o banco está fazendo é resultado da nossa mobilização aqui na nossa base e em todo o país”, diz o diretor de Formação do SindBancários e funcionário do BB, Júlio César Vivian. (Leia aqui o jornal O Espelho)

 O banco também reforçou o compromisso em dialogar com as entidades representativas dos funcionários, a fim de minimizar os impactos da realocação das pessoas envolvidas no processo.

 A Contraf-CUT havia solicitado a suspensão do processo em razão dos problemas nas diversas localidades, com dificuldade de realocação e perdas devido ao fato de o plano de funções não ter sido devidamente dimensionado. Novas reuniões com o BB serão agendadas para apresentação de soluções aos problemas apresentados pelos funcionários.

 Na última segunda-feira, 10/11, os funcionários das Gecex de todo o país realizaram atividades com paralisações em protesto ao processo de reestruturação. (Leia aqui como foi a manifestação em Porto Alegre)

 “Nosso objetivo é suspender o processo até obter garantias efetivas de que não haverá qualquer tipo de perda para os funcionários que serão atingidos pela reestruturação. Ganhamos mais prazo para pressionar o Banco nas próximas negociações. O BB não pode descaracterizar sua função enquanto instituição pública. Suas responsabilidades sociais vão além dos interesses de mercado. Um banco público também deve se preocupar com as pessoas”, afirma a diretora da Fetrafi-RS, Cristina Santos.

 Fonte: Contraf/CUT

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER