A tercerização será votada nesta terça, 21/3, na Câmara. Mande email para deputados e senadores contra o fim da Carteira de Trabalho aqui

Nesta terça-feira, 21/03, serão realizados atos públicos nos principais aeroportos do país, em protesto contra a terceirização e contra os ataques do governo a CLT. Para isso, os manifestantes vão abordar e conversar com os parlamentares que estarão viajando para Brasília para pressioná-los a votar contra o projeto de lei que destrói os direitos trabalhistas. A movimentação é organizada pela Contraf-CUT, juntamente com a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e as Centrais Sindicais, e ainda as Frentes Brasil Popular e Povo sem Medo.

Se você não pode participar de uma ação direta nos aeroportos contra o PL 4302/98, o SindBancários coloca à sua disposição uma forma muito facilitada de protestar. Através do endereço eletrônico http://dialoga.sindbancarios.org.br/todas-e-todos-contra-a-lei-da-terceirizacao/, você pode manifestar para os 513 deputados federais e 81 senadores que não aceita que a Carteira de Trabalho seja rasgada.

“Estamos mobilizados porque neste dia 21 há a possibilidade de o PL 4302/98 entrar na pauta de votação da Câmara dos Deputados”, diz o presidente do SindBancários, Everton Gimenis.

Saiba como participar da petição online

> Clique diretamente no endereço http://dialoga.sindbancarios.org.br/todas-e-todos-contra-a-lei-da-terceirizacao/ e assine a petição!

> Preenche os espaços com seu nome, sobrenome e emailClique na paleta de cor laranja Assinar e enviar aos Deputados federais e Senadores

Pronto! Seu pedido vai diretamente para os emails de cada um dos 513 deputados federais e dos 81 senadores do Congresso Nacional

 

Retirada de direitos

Esta mobilização é fundamental para fazer o enfrentamento à tramitação deste projeto de lei, que libera totalmente a terceirização nas relações de trabalho, a retirada de direitos, a fragilização dos acordos coletivos e das representações dos trabalhadores”, explica Gimenis.

O governo golpista de Temer avança sobre os direitos dos trabalhadores. Os bancários seguirão firmes na defesa dos nossos direitos. Todos e todas aos aeroportos de suas cidades para denunciar os parlamentares e dizer: Nenhum direito a menos! Não à retirada de direitos! Não à Reforma da Previdência Social!”, conclama o presidente da Contraf-CUT, Roberto von der Osten.

Fim dos acordos coletivos

O presidente da Confederação explica ainda que o PL 4302/98 significa o fim dos acordos coletivos na forma que conhecemos, a precarização das mesas de negociações e efetiva retirada de direitos dos bancários, conquistados ao longo dos anos.

Mensagem aos deputados

Além da pressão nos aeroportos, outra orientação é enviar mensagens aos deputados. Encaminhamos aos sindicatos e federações a relação dos parlamentares com nome, partido, telefone e e-mail. Usaremos também as redes sociais e todas as formas de denúncia pública a partir de nossas entidades sindicais”, ressalta Roberto von der Osten.

Participe da petição online do SindBancários

O Sindicato dos Bancários de Porto Alegre e Região lançou uma Plataforma Colaborativa contra a terceirização e os ataques aos direitos trabalhistas. Assine a petição online, com o link abaixo, e envie email para os 513 deputados federais e os 81 senadores, deixando bem clara sua oposição a mais esse ataque aos direitos dos trabalhadores.

> Clique diretamente no endereço:

http://dialoga.sindbancarios.org.br/todas-e-todos-contra-a-lei-da-terceirizacao/ e assine a petição!

> Preenche os espaços com seu nome, sobrenome e e-mail Clique na paleta de cor laranja Assinar e enviar aos Deputados federais e Senadores

Pronto! Seu pedido vai diretamente para os e-mails de cada um dos 513 deputados federais e dos 81 senadores do Congresso Nacional

 

Fonte: Imprensa SindBancários com Contraf-CUT

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER