1º Seminário Nacional em Defesa dos Bancos Públicos nesta sexta-feira debate ameaça de Temer ao patrimônio

A Contraf-CUT realiza, nesta sexta-feira (17), em São Paulo, o 1º Seminário Nacional em Defesa dos Bancos Públicos. Com o objetivo de debater a grande ameaça que o governo do presidente interino, Michel Temer representa ao patrimônio público, o Seminário irá reunir bancários de bancos públicos e privados, além de envolver diversos atores da sociedade civil, movimentos sindicais, sociais e populares, MST e parlamentares.
Blocos de debate e reflexão
Segundo Roberto von der Osten, presidente da Contraf-CUT, o evento foi colocado antes dos Congressos do BB e da Caixa para sugerir aos participantes uma reflexão sobre o papel, a importância e as ameaças que os bancos públicos estão enfrentando. “Nós dividimos o evento em três blocos: primeiro convidamos a academia para falar ideologicamente a respeito do assunto; num segundo bloco, nós convidamos os representantes do parlamento, deputados e senadores para narrar como está o embate político pró e contra essas instituições. No terceiro bloco, nós convidamos os movimentos sociais do campo e da cidade para dizer porque precisam de um sistema financeiro diferente. Será uma grande reflexão que vão instrumentalizar os congressos que vão acontecer em seguida”, garantiu. 
Unidade nacional Para o secretário-geral da Contraf-CUT, Carlos de Souza, a volta da agenda neoliberal significa a abertura de capital de empresas públicas, desregulamentação, extinção de órgãos de controle, dispensa de licitação, retirada de direitos, enfim, um grande retrocesso para o país. “Estamos vivenciando o mesmo enredo usado pelo governo FHC para justificar a entrega do patrimônio brasileiro na década de 90. Diante desse quadro preocupante, estaremos reunindo forças neste seminário para construir uma grande unidade nacional em defesa dos bancos públicos”.

O Seminário será realizado às 9h, no Hotel Holiday Inn Parque Anhembi, Av. Milton Rodrigues, Rua Professor Milton Rodrigues, 100 – Anhembi, São Paulo – SP.

Confirma a programação abaixo:

Mesa 1 – Bancos Públicos: Ativo necessário na sociedade brasileira.

Professores: Marcio Pochman, Ladislau Dowbor e Fernado Nogueira

 

Mesa 2 – Ação Parlamentar em defesa dos bancos públicos.

Debatedores: Emir Sader, deputada federal Érika Kokay (PT) e outros parlamentares a confirmar.

 

Mesa 3 – Unidade Nacional: Todos na resistência pelos bancos públicos.

Convidados: MTST, MST, UNE e CUT.

Fonte: Contraf-CUT

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

FACEBOOK

SERVIÇOS

CHARGES

VÍDEOS

O BANCÁRIO

TWITTER