• Home  /
  • Noticias   / CineBancários   /
  • Filme brasileiro “Severina”, com participação de atores de vários países da AL, entra em cartaz no CineBancários dia 12
Filme brasileiro “Severina”, com participação de atores de vários países da AL, entra em cartaz no CineBancários dia 12 1499899745195Severina -
ARQUIVO 11/07/2017 CADERNO2 / CADERNO 2 / C2 / USO EDITORIAL RESTRITO / CENA DO FILME SEVERINA, DE FELIPE HIRSCH. FOTO R/T FEATURES
Full view

Filme brasileiro “Severina”, com participação de atores de vários países da AL, entra em cartaz no CineBancários dia 12

Dirigido por Felipe Hirsch e produzido pela RT Features, o longa-metragem “Severina” é a nova estreia do CineBancários, a partir do dia 12/04, com sessões até dia 25/04, sempre às 17h, dentro do projeto Sessão Vitrine Petrobras. Os ingressos podem ser adquiridos no local ou no site  ingresso.com por R$ 12,00. Estudantes, idosos, pessoas com deficiência, bancários sindicalizados e jornalistas sindicalizados pagam R$6,00. Aceitamos os cartões Banricompras, Visa e Mastercard.

O filme conta a história de um livreiro melancólico e aspirante a escritor (Javier Drolas), que tem sua rotina abalada pelas aparições e desaparições de sua nova musa, uma mulher misteriosa que rouba na sua livraria (Carla Quevedo). Logo, ele descobre que ela rouba nas livrarias de outros livreiros também. Então, o personagem começa a viver um delírio amoroso, na fronteira entre a ficção e a realidade.

Original guatemalteco

Também assinado por Hirsch, o roteiro do longa foi baseado no original do escritor guatemalteco Rodrigo Rey Rosa e começou a ser produzido durante a criação de ‘Puzzle’, projeto teatral realizado especialmente para a Feira de Livro de Frankfurt (Alemanha), em 2013.

Rodado inteiramente no Uruguai e falado em castelhano, o filme – que teve sua première mundial no festival de Locarno, na Suíça, em agosto de 2017 – traz no elenco os atores argentinos Javier Drolas, Carla Quevedo e Alejandro Awada, o chileno Alfredo Castro e o uruguaio Daniel Hendler.

Artistas de vários países

O projeto me fez mergulhar no oceano de​ ​autores​ ​do continente onde vivo, e me envolver com eles, escrever com eles, e trabalhar com artistas de diversas áreas de toda a América Latina. E​ ​desse modo Severina foi feito: ​​entre uruguaios, argentinos, brasileiros, chilenos, guatemaltecos e, também, portugueses”, conta o diretor.

“‘Severina’ é um filme que tenho muito orgulho de ter produzido e que nos levou à seleção do Festival de Locarno. A junção do trabalho do Felipe como roteirista e diretor com uma equipe multicultural funcionou muito bem e temos como resultado uma obra sofisticada em termos de linguagem cinematográfica. É um filme que quando assisti pela primeira vez em uma tela de cinema me senti absorvido. E fico contente que ele esteja chegando agora ao circuito nacional através da Sessão Vitrine Petrobras”, complementa o produtor Rodrigo Teixeira.

GRADE DE HORÁRIOS:

*Não abrimos segundas-feiras

12 de abril (quinta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

13 de abril (sexta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

14 de abril (sábado)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

15 de abril (domingo)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

17 de abril (terça-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

18 de abril (quarta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Arabia

19 de abril (quinta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América (sessão de estreia com debate)

20 de abril (sexta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América

21 de abril (sábado)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América

22 de abril (domingo)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América

24 de abril (terça-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América

25 de abril (quarta-feira)

15h – Arabia

17h – Severina

19h – Em nome da América

Sinopse:

A vida de um livreiro, melancólico e aspirante a escritor, é abalada pelas aparições e desaparições de sua nova musa que rouba na sua livraria. Logo, ele descobre que ela rouba nas livrarias de outros livreiros também. Então, ele começa a viver um delírio amoroso, na fronteira entre a ficção e a realidade. No entanto, quanto mais se aproxima dela, mais indescritível ela se torna: Por que ela rouba e quais são seus valores? Quem é o homem mais velho com quem ela mora? O que é verdadeiro ou apócrifo nessa história? E, além disso, ele enfim conseguirá ocupar um lugar na vida dela, ao mesmo tempo em que se afasta de sua própria vida?


Ficha Técnica:

SEVERINA (Brasil / Uruguai, 103 minutos)

Direção e Roteiro: Felipe Hirsch

Produzido por Rodrigo Teixeira (RT Features)

Coprodução: Diego Robino (Oriental Features)

Produção Executiva: Raphael Mesquita, Ana Kormanski, Daniel Pech e Santiago López Rodríguez

Direção de Fotografia: Rui Poças

Baseado na obra de Rodrigo Rey Rosa

Elenco: Javier Drolas, Carla Quevedo, Alejandro Awada, Alfredo Castro e Daniel Hendler

Trilha sonora

A trilha sonora original do filme, por exemplo, foi composta pelo gaúcho Arthur de Faria e envolveu 40 músicos de quatro cidades, em três países. Outros brasileiros participam da parte musical e no filme podem ser escutados composições e interpretações de Hugo Fattoruso, Pedro Santos, Rubén Rada, Los Saicos e Jupiter Maçã.

Sobre o diretor:

Diretor de cinema e teatro, Felipe Hirsch é um dos fundadores da Ultralíricos, companhia na qual desenvolve experimentações cênicas que já lhe renderam diversos prêmios. Foi eleito pelo jornal O Globo como um dos pensadores mais influentes do Brasil. Em 2008, foi vencedor do Grammy pela direção do show “Homenagem a Tom Jobim”. Seu primeiro filme, “Insolação”, teve sua estreia no Festival de Veneza. Em 2013, Felipe lançou “A Menina Sem Qualidades”, minissérie criada para a MTV, vencedora de diversos prêmios. No mesmo ano, anunciou a tetralogia Puzzle especialmente criada para a participação brasileira como Convidado de Honra da Frankfurter Buchmesse. Em 2016, Felipe Hirsch estende o trabalho para a América Latina e estreia A Tragédia e a Comédia Latino-Americanas, além de filmar Severina, seu segundo longa-metragem, com artistas de toda a América Latina.

Sobre a SESSÃO VITRINE PETROBRAS:

Projeto de distribuição coletiva criado pela Vitrine Filmes, e com o patrocínio da Petrobras, com o intuito de levar ao público um cinema de qualidade, expondo a diversidade da produção audiovisual contemporânea. Em 2018, a SESSÃO VITRINE PETROBRAS fica em cartaz permanentemente, com ingressos reduzidos de até R$ 12. Com um lançamento por mês e horários fixos em cinemas de mais de 20 cidades, com sessões diárias ou semanais, dependendo da demanda de cada praça. Os filmes ficarão em cartaz por no mínimo duas semanas em cada cidade. A intenção é que uma programação mensal e um horário fixo tornem-se um referencial e criem um público cativo.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=-2stYmz94Mw&feature=youtu.be

C i n e B a n c á r i o s 

Rua General Câmara, 424, Centro 

Porto Alegre – RS – CEP 90010-230 

Fone: (51) 34331204 

Escrito por José Antonio Silva

Escrever um comentário