• Home  /
  • Noticias   / Bancos   /
  • Ação do ADI na gratificação semestral aguarda despacho do juiz na homologação de acordo
Ação do ADI na gratificação semestral aguarda despacho do juiz na homologação de acordo - Imprimir Full view

Ação do ADI na gratificação semestral aguarda despacho do juiz na homologação de acordo

O primeiro processo ajuizado pelo Sindicato para cobrar a integração do ADI na gratificação semestral está na mesa do juiz responsável pela sua condução para apreciar o conteúdo do acordo firmado entre o Sindicato e o Banco e que definiu critérios para a elaboração dos cálculos de liquidação de sentença e que eram controvertidos entre as partes. Só lembrando que essas informações se referem ao processo 0000377-33.2013.5.04.0016, de 2013.

O advogado do Sindicato, Antônio Vicente Martins, afirmou: “Aprovamos critérios para elaboração de cálculos e para a inclusão de um número grande de bancários que estavam tendo a discussão quanto ao seu nome pelos critérios do Banco. Fizemos uma assembleia geral que definiu condições para que os cálculos fossem feitos de comum acordo”.

Os peritos do Sindicato, do Banco e os advogados trabalharam durante mais de dois meses para fazer os cálculos e examinar se os mesmos estavam dentro dos critérios ajustados. O acordo foi firmado e encaminhado para a homologação do juiz que está examinando os seus critérios e os valores. Como é um acordo grande, com um número expressivo de substituídos, o juiz está tendo o cuidado necessário para a homologação do acordo.

Vicente Martins lembrou: “Nesta primeira fase do acordo, estamos examinando os cálculos dos valores devidos de março de 2008 a novembro de 2014. Depois ainda teremos que examinar os valores devidos de dezembro de 2014 a junho de 2016 porque a incorporação somente ocorreu em julho do ano passado.”

Assim que o acordo for homologado e os valores liberados para o sindicato, iremos divulgar o plano de pagamento dos bancários.

“Importante lembrar que caso algum bancário substituído no processo tenha sido excluído sem a observância das condições estabelecidas pelas partes, poderemos fazer uma revisão desta exclusão, mas isto será no caso concreto e nosso advogado está pronto para fazer este reexame e os encaminhamentos devidos”, afirmou o Presidente do Sindicato dos Bancários, Everton Gimenis.

 

Written by Clóvis Victoria

Escrever um comentário

catorze + dois =